Seminário aborda proteção do adolescente em conflito com a Lei

Cartaz

Estudiosos apontam que crianças e adolescentes são os mais vulneráveis juridicamente à violência. Foi pensando nesta questão da criminalidade que a Segunda Vara da Infânicia e da Juventudade reuniu, ontem, educadores, juizes, assistentes sociais, mestres em Direito Público, antropólogos e estudantes para discutirem “O papel da escola e do sistema de justiça na proteção do adolescente em conflito com a Lei”, o seminário contou com a presença do educador, José Pacheco, um dos idealizadores da Escola da Ponte de Portugal que falou sobre os caminhos da inclusão.

O evento discutiu temas como a “Responsabilidade pública na garantia de direitos do adolescente autor de ato infracional”, “Iniciativas de combate à evasão escolar”, Educação como diureito fundamental”, “O compromisso da educação pública com as crianças e os jovens de origem popular” e “O caminho para a inclusão”. O seminário ocorreu no auditório do Tribunal de Justiça da Bahia, situado na 5ª Av. do Centro Administrativo da Bahia (CAB), número 560. Salvador. Bahia.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s